Criando Aplicações Android com AppInventor

De MediaWiki do Campus São José
Ir para: navegação, pesquisa

Desenvolvendo Sistemas Básicos de Telecomunicações com “ Applnventor”

Orientadores

Eraldo Silveira e Silva e Marcos Moecke.

Objetivos do Projeto
  • Desenvolver tutoriais na plataforma wiki e nas próprias ferramentas AppInventor para facilitar o aprendizado de novos alunos da variação da linguagem Scratch utlizada no AppInventor de modo a elevar significativamente o número de usuários da linguagem.
  • Desenvolver sistemas básicos para o auxílio didático no curso de Engenharia de Telecomunicações, usando a ferramenta AppInventor.
Bolsista Selecionado
Ernani Rodrigues De S. Thiago 2900111
Local de Trabalho
LABIC, Máquina: VENUS
Horário de Trabalho
  • Segunda 13h30 às 17h30;
  • Terça 13h30 às 17h30;
  • Quarta 15h30 às 20h30;
  • Quinta 13h30 às 16h30;
  • Sexta 13h30 às 17h30;

Atividades propostas

1. Elaborar o projeto "O que o aluno precisa apreender para programar em AppInventor"

  • Realizar Programação da Aula01;
  • Fazer uma programação para Aula01 em slides;
  • Descrever etapas da produção das aplicações na wiki;
  • Fazer, na wiki, uma especificação do método de produção das aplicações e de suas funções.

2. Atualizar a página AppInventor com os conteúdos já vistos.

Atividades realizadas

Oficinas

Oficina AppInventor

Planejamento das Oficinas

Análise Inicial

Este conteúdo possui como público alvo os alunos da disciplina PJI1-EngTel do curso de Engenharia de Telecomunicações do Instituto Federal de Santa Catarina - Campus São José.

Hierarquia de Objetivos das Lições

Lição I

1- Construir casos de usos para saber definir o que é uma aplicação e qual sua função.

  • 1.1- Entender o que é uma Aplicação do ponto de vista computacional;
  • 1.2- Descrever o comportamento de uma aplicação durante um caso de uso simples;
  • 1.3- Relacionar conceitualmente procedimentos e eventos;
  • 1.4- Utilizar diagramas de sequência para descrever os procedimentos realizados.

2- "Explorar" o AppInventor.

  • 2.1- Como consultar a Documentação de Referência e a página wiki AppInventor;
  • 2.2- Como criar um novo projeto;
  • 2.3- Entender como funciona o AppInventor: O que são Designer e Blocks?;
  • 2.4- Entender a funcionalidade do Designer;
  • 2.5- Entender a funcionalidade do Blocks;
  • 2.6- Salvar um projeto;
  • 2.7- Importar e exportar projetos;
  • 2.8- Transferindo um projeto para um sistema Android.

3- Conceitos Básicos.

  • 3.1- Saber diferenciar conceitos básicos: Váriável, Lista, Procedimento, Evento, Componente e Propriedade;
  • 3.2- Saber como criar/alterar os itens presentes em 3.1 no AppInventor;
  • 3.3- Entender a diferença entre a utilização de Sprites no Scratch e a de Componentes no AppInventor.
    • 3.3.1- Entender o que é um Sprite;
    • 3.3.2- Entender o que é um Script.

4- Entender como construir procedimentos baseados em eventos (Script).

  • 4.1- Desenvolver o exemplo de caso: Tutorial Hello Purr;
    • 4.1.1- Explorar as propriedade da Screen1;
    • 4.1.2- Criar um Label e um Button;
    • 4.1.3- Explorar as propriedades do Label e do Button recém-criados;
    • 4.1.4- Carregar Mídias (imagem e som);
    • 4.1.5- Utilizar mídias carregadas nas propriedades dos componentes;
    • 4.1.6- Criar Blocos de eventos;
    • 4.1.7- Desenvolver um Script que possua um evento como pré-requisito e um procedimento como consequência;
    • 4.1.8- Conectar um Sistema Android/emulador ao Blocks;
    • 4.1.9- Testar aplicação.
      • 4.2- Aperfeiçoar HelloPurr alterando somente suas propriedades (não criando novos componentes).
ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Introduzir conceitos básicos de programação. 1; 1.1; 1.2; 1.3; 1.4 Apresentação de Slides 10 minutos
2 Apresentação Light do AppInventor, a funcionalidade básica da ferramenta deve ser apresentada (Diferenças entre o Blocks e o Designer). 2; 2.1; 2.2; 2.3; 2.4; 2.5; 2.6; 2.7; 2.8; 2.8 Utilizar o AppInventor no projetor 15 minutos
3 Traduzir conceitos básicos de programação para AppInventor, "explorando" o Designer e o Blocks. 3; 3.1; 3.2 Utilizar o AppInventor no projetor e apresentação de Slides 5 minutos
4 Diferenciar Scratch de AppInventor, a mudança de Sprites para componentes. 3; 3.3; 3.3.1; 3.3.2 Utilizar o AppInventor e Scratch no projetor 5 minutos
5 Desenvolver o Tutorial HelloPurr. 4; 4.1; 4.1.1; 4.1.2; 4.1.3; 4.1.4; 4.1.5; 4.1.6; 4.1.7; 4.1.8; 4.1.9 Utilizar o AppInventor no projetor 30 minutos
6 Mostrar possibilidades de melhoramentos da aplicação HelloPurr, "enfeitando-o" (alterar as propriedades dos componentes já existentes. 4; 4.2 Utilizar o AppInventor no projetor Tempo restante

Lição II

5- Praticar e expandir conhecimentos já adquiridos.

  • 5.1- Desenvolver o exemplo de caso: Tutorial PaintPot.
    • 5.1.1- Rever conceitos dos componentes Button e Screen;
      • 5.1.1.1- Editar propriedades "mais específicas" dos componentes Button e Screen (AlignHorizontal, ScreenOrientation, Scrollable, BackgroundColor, Shape...). Observação: Procurar utilizar a Documentação de Referência para as propriedades que possuem função desconhecida.
    • 5.1.2- Entender a função de um ScreenArrangement e de suas variações (Horizontal, Vertical e Table);
    • 5.1.3- Criar um ScreenArrangement;
      • 5.1.3.1- Entender como expressar o valor das propriedades Width e Height de três maneiras possíveis e suas respectivas funções como propriedades de um componente.
    • 5.1.4- Aprender a inserir componentes em ScreenArrangements;
    • 5.1.5- Entender conceitualmente a função de um Canvas;
    • 5.1.6- Criar um Canvas com uma área que se ajuste automaticamente ao tamanho da Screen;
    • 5.1.7- Saber criar blocos de eventos relacionados a componentes Buttons e como "juntá-los" (encadeá-los) a procedimentos derivados do componente Canvas para formar um Script;
    • 5.1.8- Utilizar blocos de eventos do Canvas para realizar procedimentos de desenho no próprio Canvas (desenhar retas, círculos...);
    • 5.1.9- Possibilidades de melhoramentos da aplicação PaintPot (adição de novas funcionalidades).
ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Iniciar o desenvolvimento do Tutorial PaintPot no Designer para recuperar conceitos vistos anteriormente. 5; 5.1; 5.1.1; 5.1.1.1 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
2 Entender e aplicar o conceito de ScreenArrangements e das propriedades Width e Height (no Tutorial PaintPot). 5; 5.1; 5.1.2; 5.1.3; 5.1.3.1; 5.1.4 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
3 Utilizar o componente Canvas e definir sua área (no Tutorial PaintPot). 5; 5.1; 5.1.5; 5.1.6 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
4 Criar um Script que "utilize" os componentes Canvas e Button. Utilize a relação Evento-Procedimento (no Tutorial PaintPot). 5; 5.1; 5.1.7; 5.1.8 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
5 Aplicar alterações na aplicação PaintPot que objetivem expandi-la (adicionar funcionalidades). Procurar usar a criatividade (botões que limpe a tela,façam triângulos, quadrados...). 5; 5.1; 5.1.9 Autônomo (sem auxílio), receber o resultado final para avaliação Fora de aula (Sem limite de tempo)

Lição III

6- Desenvolver Tutorial MoleMash para compreender a função de novos componentes (Clock e ImageSprite).

  • 6.1- Saber criar um Canvas com um ImageSprite que possua uma BackgroundImage (delimitar a área de ambos);
    • 6.1.1- Saber encadear o bloco de eventos Screen1.Initialize com um procedimento que reconfigure a área do Canvas;
    • 6.1.2- Saber utilizar o bloco de eventos Screen1.Initialize para ajustar a área de um ImageSprite em função da área do Canvas. Exemplo: Área do ImageSprite = 1/10 Área do Canvas.
  • 6.2- Saber criar botões que mostrem textos que expliquem sua função e que realizem procedimento(s) quando clicados;
  • 6.3- Saber desenvolver UM Label que mostre o placar e que mostre um texto junto (apenas um);
    • 6.3.1- Saber criar um Script que utilize o bloco Join (que pode ser encontrado na gaveta Text) para juntar um texto e o valor do placar. E exibir o resultado em no Text de um Label (Exemplo: Placar 0);
    • 6.3.2- Saber criar uma variável que possua a função de um contador.
  • 6.4- Saber desenvolver no Blocks um procedimento que faça com que um ImageSprite se mova de forma aleatória pelo Canvas.
  • 6.5- Entender como encadear o bloco de evento ImageSprite.Touched com a execução de uma mídia (Sound).
ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Utilizar o Canvas como uma área de deslocamento de um ImageSprite. 6; 6.1 Utilizar o AppInventor no projetor 5 minutos
2 Relacionar o tamanho de um ImageSprite com o de um Canvas. 6; 6.1; 6.1.1; 6.1.2 Utilizar o AppInventor no projetor 10 minutos
3 Criar botões com funções especificadas em seus textos. 6; 6.2 Utilizar o AppInventor no projetor 5 minutos
4 Criar um Label que mostre um texto junto a um contador. 6; 6.3; 6.3.1; 6.3.2 Utilizar o AppInventor no projetor 10 minutos
5 Criar um procedimento que faça com que um ImageSprite se movimente de forma aleatória. 6; 6.4 Utilizar o AppInventor no projetor 5 minutos
6 Executar uma mídia a partir de um evento relacionado a um ImageSprite. 6; 6.5 Utilizar o AppInventor no projetor 5 minutos

Lição IV

7- Iniciar desenvolvimento do Tutorial Agenda Telefônica.

  • 7.1- Saber criar independentemente de ajuda, uma interface para uma agenda telefônica;
  • 7.2- Comparar a agenda criada com o modelo detido pelo professor;
  • 7.3- Listar funções de uma agenda telefônica simples;
    • 7.3.1- Modificar a agenda anterior, visando adequá-la as "novas" funcionalidades.
  • 7.4- Desenvolver em um fluxograma (ou em Scratch) uma sequência de instruções que indique os procedimentos que uma agenda telefônica deve realizar;
    • 7.4.1- Comparar com os procedimentos-modelos detidos pelo professor;
    • 7.4.2- Adequar instruções anteriores para que agreguem as incluídas no modelo (não copiar e excluir a feita inicialmente, adequar).
  • 7.5- "Traduzir" os fluxogramas (ou instruções Scratch) para um Script AppInventor (instruções em blocos);
  • 7.6- Comparar com o modelo detido pelo professor e verificar se ambos satisfazem as funções de uma agenda telefônica comum.
  • 7.6.1- Criar novos procedimentos que "incrementem" a agenda.
ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Criar a interface de uma agenda telefônica. 7; 7.1 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
2 Comparar interface-modelo com interface produzida. 7; 7.2 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
3 Conceituar os procedimentos mínimos de uma agenda telefônica. 7; 7.3; 7.3.1; 7.4 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
4 "Corrigir" conceitos de procedimentos. 7; 7.4; 7.4.1; 7.4.2 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
5 Criar blocos no Blocks. 7; 7.5; 7.6 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
6 Adicionar novas funcionalidades. 7; 7.6; 7.6.1 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)

Lição V

8- Iniciar desenvolvimento do Tutorial Calculadora no Designer.

  • 8.1- Estar apto a criar um arranjo de botões idêntico ao do modelo (detido pelo professor) utilizando apenas os componentes Button, ScreenArrangement e Label;
    • 8.1.1- Saber Carregar Mídias na propriedade Image de cada Button;
    • 8.1.2- Saber organizar os arrangements de forma que o botão "0" possua o dobro de comprimento dos outros e o botão de igual, o dobro de altura.
  • 8.2- Saber criar um procedimento que, quando inicie a aplicação, ajuste a área dos Buttons e do Label ao da Screen1;
    • 8.2.1- Saber utilizar o evento de mudança de orientação para reajustar a área dos componentes;
    • 8.2.2- Saber criar uma combinação de blocos que mude a fonte do Label Display conforme o acréscimo de algarismos.
  • 8.3- Ter completo domínio sobre as propriedades de um Label, suficiente para "enfeitar" os valores exibidos pelo Display (Label).
    • 8.3.1- Saber utilizar a propriedade FontBold de um Button ou de um Label;
    • 8.3.2- Saber utilizar a propriedade FontItalic de um Button ou de um Label;
    • 8.3.3- Saber utilizar a propriedade FontTypeface de um Button ou de um Label;
    • 8.3.4- Saber utilizar a propriedade TextAlignment de um Button ou de um Label.


ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Iniciar o desenvolvimento de uma calculadora utilizando o Tutorial Calculadora. 8; 8.1; 8.1.1; 8.1.2 Utilizar o AppInventor no projetor e apresentação de Slides 55 minutos
2 Relacionar o evento Inicialização do aplicativo com um procedimento. 8; 8.2; 8.2.1; 8.2.2 Utilizar o AppInventor no projetor e um Fluxograma 30 minutos
3 "Dominar" as propriedades do Label (e do Button). 8; 8.3; 8.3.1; 8.3.2; 8.3.3; 8.3.4 Utilizar o AppInventor no projetor 25 minutos

Lição VI

9- Adicionando novas funcionalidades a Calculadora.

  • 9.1- Modificar os blocos de instrução para toda vez que a calculadora for re-orientada, novas funcionalidades apareçam (comparar com modelo);
    • 9.1.1- Opções de Novas Funcionalidades:
      • Seno;
      • Cosseno;
      • Tangente;
      • Raiz Quadrada;
      • Expoente;
      • Seno^-1;
      • Cosseno^-1.
    • 9.1.2- Entender e "traduzir" o Script de processamento de Strings do Scratch para o AppInventor.
  • 9.2- Saber implementar parênteses;
    • 9.2.1- Saber Configurar parênteses como prioridade durante um processamento de Strings.
  • 9.3- Saber incluir constantes (Pi, número de Euler).


ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 Adicionar novas funcionalidades. 9; 9.1; 9.1.1 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
2 Implementar método de processamento de Strings. 9; 9.1; 9.1.2 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)
3 Implementar Constantes e parênteses. 9; 9.2; 9.2.1; 9.3 Autônomo (sem auxílio) Fora de aula (Sem limite de tempo)

Lição VII

10- Iniciar desenvolvimento do Tutorial Calculadora no Blocks.

  • 10.1- Saber criar um procedimento que realize pelo menos as quatro operações básicas da matemática (adição, subtração, multiplicação e divisão);
  • 10.2- Saber criar blocos que deem uma função a botões não numéricos e nem operacionais (C, +/- e outros se houverem);
  • 10.3- Saber alterar os blocos de instrução para implementar uma função que, quando o operador "=" for clicado mais de uma vez seguida, ele realize a mesma operação anterior;
  • 10.4- Saber criar um procedimento que utilize a resposta de uma operação anterior para realizar outra;
  • 10.5- Possibilidades e funcionalidades novas?;
  • 10.6- Fechamento e conclusão das oficinas de AppInventor.
ITEM ATIVIDADE OBJETIVO MÉTODO TEMPO


1 As 4 Operações básicas. 10; 10.1; 10.2 Utilizar o AppInventor no projetor 30 minutos
2 Novas funções. 10; 10.3; 10.4; 10.5 Utilizar o AppInventor no projetor 30 minutos
3 Conclusão das oficinas: O que foi aprendido e o que faltou? 10; 10.6 Apresentação de Slides e AppInventor no projetor 50 minutos

Lição VIII

DIA 01

Apresentação

  • Conceitos básicos (variável, script, sprite, eventos...).
  • Apresentação da estrutura básica do AppInventor, Blocks e Components.
  • Utilização de tutoriais iniciantes produzidos pelo MIT para aplicar o pouco aprendido.
Introdução ao AppInventor

Introdução ao AppInventor

Nesta oficina você aprenderá alguns conceitos básicos de programação e os utilizará para criar aplicativos utilizando a ferramenta AppInventor. O AppInventor é um software educacional criado pelo MIT para auxiliar seus alunos a melhor compreender a funcionalidade da lógica de programação. Trabalharemos diversos conceitos que serão importantes quando tratados em outras linguagens, como Variáveis, Listas, Procedures e etc. Nesta primeira parte da oficina, aprenderemos um pouco mais sobre o AppInventor. O AppInventor é uma ferramenta muito intuitiva, e por isso, de fácil compreensão. Ele é dividido em duas partes, o Designer e o Blocks. Na etapa Designer, trataremos Buttons, Labels, Canvas e até arquivos de mídia, como Sounds. Observe na imagem abaixo como a nomenclatura de cada seção (em inglês) indica exatamente sua função, como por exemplo, Viewer e Properties.

AppInventorDesigner.png

Já no Blocks, criaremos Procedures, Listas, Variáveis e etc. Nesta parte desenvolveremos diversos blocos que detalharam o a funcionalidade do aplicativo, ou seja, o que os componentes do aplicativo devem fazer.

AppInventorBlocks.png

Tanto o Designer como o Blocks possuem diversos conceitos que precisam ser abordados de uma maneira mais prática do que teórica. Para isso, enquanto introduzimos o básico de AppInventor, iremos ver alguns conceitos comuns aos presentes em Scratch. E esses conceitos, serão revistos através de tutoriais que iremos seguir ao longo desta oficina.

Tutorial Hello Purr

Tutorial Hello Purr

Antes de começarmos a desenvolver nossa aplicação, precisamos ter certeza do que exatamente queremos. Como este é o nosso primeiro tutorial iremos seguir o HelloPurr Tutorial que pode ser encontrado na sua versão original no site do AppInventor - MIT. Este aplicativo é relativamente muito simples, ele conterá uma imagem de um gato que quando clicada com o botão esquerdo do mouse, deverá tocar o som de um miado e uma instrução que dirá "Clique no Gato".

Faça o download da Imagem do Gato e do Miado antes de continuar.

Para começar vá ao site do AppInventor - MIT e entre com uma conta Gmail. A imagem abaixo mostra como deverá aparecer sua tela na primeira vez que você loga no site e destacado em vermelho o botão New, que você deve clicar para criar um novo projeto:

Novo Projeto.png

Em seguida crie um novo projeto e o nomeie HelloPurr. Assim que você cria um projeto, o AppInventor, automaticamente, o redirecionará para o Designer, onde iniciaremos o desenvolvimento do projeto. Como vimos na Introdução, no Designer, "organizamos" o desenvolvimento do aplicativo, porque é nele em que são criados os Components. Component ou simplesmente Componente é um termo utilizado para representar um conjunto de funcionalidades. Uma aplicação pode ser formada apenas utilizando Components. Para o AppInventor os Componentes são objetos que podem conter métodos, eventos e/ou propriedades. A imagem abaixo mostra a tela inicial do Designer e destaca a posição de algumas de suas seções.

AppInventor - Analizando o Designer.png

Perceba pela imagem que o Designer já inicia com um componente: a Screen1. Todo componente existente no aplicativo é listado na seção Components, e a sua direita, na seção Properties, estão as propriedades do componente selecionado. Agora, selecione o componente Screen1 e altere sua propriedade Title (na seção Properties) para HelloPurr. A propriedade Title de uma Screen pode ser considerado como o título da mesma, neste caso, não teremos a necessidade de criar mais Screens, por isso o Title da nossa Screen1 pode ser o do próprio aplicativo (ou seja, HelloPurr). Depois de titular a Screen1, nós adicionaremos um novo componente ao nosso aplicativo. Para adicionar um novo componente, vá até a seção Basic, abra a gaveta em que o componente se encontra, e o arraste até o vizualizador. Neste caso nós queremos criar uma imagem que ao receber um clique com o botão esquerdo do mouse, toque o som de um miado. Por isso nós adicionaremos ao vizualizador um componente Button (da gaveta Basic). Assim que o componente Button é criado, a seção Properties se "enche" de novas propriedades, agora referentes ao componente Button1. Antes de modificarmos as propriedades deste novo componente, vá até a seção Components e altere seu nome para ButtonGato, para que os componentes fiquem fáceis de se identificar.

Apesar de este tutorial possuir poucos componentes é importante nomeá-los adequadamente. Para entender melhor a necessidade de se organizar os nomes dos componentes, leia Padronização.

Agora que já possuímos um Button criado, precisamos fazer com que ele assuma a imagem do gato (link para download esta disponível no início deste tutorial). Selecione o componente ButtonGato e (na seção Properties) procure pela propriedade Image. A propriedade Image de um Button possui uma única função: Adicionar uma imagem de fundo a um componente. Como já possuímos a imagem do gato, precisamos carregá-la no Designer. Há duas formas de carregar uma mídia no Designer:

  • Logo abaixo da seção Properties há a seção Media clique na opção “Add...” e selecione o arquivo. Em seguida vá até a propriedade que você deseja carregar a mídia, e selecione o arquivo carregado.
  • Na própria seção Properties, quando for carregar um arquivo de mídia em uma propriedade, e este arquivo ainda não estiver carregado no Designer, você pode selecionar a opção “Add...” e selecionar o arquivo.

Assim que você tiver a imagem carregada, o Designer, estará assim:

AppInventor - Carregando Mídias.jpg

Pela imagem acima podemos perceber um problema no vizualizador: Por cima da imagem do gato aparece um texto, isso acontece porque a propriedade Image de um Button adiciona apenas uma imagem de fundo e não sobrepõe outras propriedades dos Buttons , como o Text. A propriedade Text possui uma função muito simples, adicionar um texto ao componente. Portanto a solução para o nosso "problema" é: Apagar o valor da propriedade Text. Assim que você tiver resolvido o problema do texto, nós já teremos a imagem do gato no nosso aplicativo pronta, agora é necessário adicionar uma pequena instrução que diga: Clique no Gato. Portanto, trabalharemos com outro componente, chamado Label. Os Labels, diferente da maioria dos componentes, possui apenas uma função: Exibir um texto. E é exatamente isso que precisamos, portanto, vamos até a gaveta Basic e arrastamos para o nosso vizualizador o componente Label. Em seguida altere o nome do Label1 para LabelInstrucao (lembre-se que o AppInventor não aceita "ç" em nome de componentes). Agora, observe as propriedades do LabelInstrucao, como a função de um componente Label é apenas exibir um texto, é óbvio que todas as suas propriedades vão ser relativas a edição de texto. Por isso, vamos realizar uma série de alterações nas suas propriedade, para que o nosso texto ganhe maior visibilidade:

  • BackgroundColor = esta propriedade é muito semelhante ao Image dos Buttons, entretanto, ela não necessita de uma mídia carregada e só aceita as opções já disponíveis. Altere o valor desta propriedade para uma cor que destaque o texto. Exemplo: Magenta.
  • FontBold e FontItalic = são respectivamente as propriedades Negrito e Itálico, comumente utilizadas em edição de textos. Ative-as.
  • FontSize = Tamanho da letra. Aumente a letra para que o texto seja mais visível. Sugestão: 30.
  • Text = Como já vimos anteriormente nos componentes Buttons, o valor desta propriedade é exibido pelo Label (é comum que diferentes componentes possuam propriedades que realizam a mesma função). Altere o valor desta propriedade para: Clique no Gato. Como foi especificado no início deste tutorial.
AppInventor - Designer Pronto.jpg


Por enquanto nosso aplicativo não possui instruções, ou seja, não faz nada. Ele apenas é uma imagem de um gato com uma instrução em baixo. A imagem acima mostra a "cara" do Designer nesta etapa e destaca em vermelho aonde abrir o Blocks. Como vimos na Introdução, o Designer adiciona os componentes e os valores iniciais as suas propriedades (podem ser alterados futuramente). Já o Blocks dá instruções a esses componentes, e é exatamente isso que faremos a seguir (abra o Blocks). Assim que você clicar no botão Open Blocks Editor você fará o download de um arquivo java (execute-o).

Certifique-se se o seu computador possui os requisitos necessário para abrir o Blocks no site AppInventor - MIT.

O Blocks nos proporciona muitas possibilidades, podemos adicionar diversas funcionalidades ao nosso aplicativo. Entretanto como esse é o nosso primeiro tutorial, não iremos explorá-las. Na verdade, nos concentraremos na que foi descrita no início deste tutorial. O aplicativo possui a imagem do gato e uma instrução, só falta uma coisa: que quando eu clicar no gato ele toque o Miado. Mas para fazermos um arquivo de áudio ser executado no AppInventor, é necessário que outro componente seja adicionado no Designer: O Sound. Volte ao Designer, vá até a gaveta Media e arraste um Sound para o vizualizador. Observe que o Sound é um arquivo invisível no Designer e que necessita de uma mídia carregada para ser executado (sem uma mídia nenhum som será tocado). Portanto altere o nome do componente Sound1 para Miado e a propriedade Source para o arquivo de som baixado. Agora quando você instruir o aplicativo para executar o SoundMiado ele tocará o arquivo de som que foi carregado.

AppInventor - Designer Sound.jpg

Sempre que o componente SoundMiado for tocado, o som do miado que carregamos será tocado. Entretanto agora temos de instruir o aplicativo de executar o SoundMiado quando o ButtonGato receber um clique, e é agora que utilizaremos o Blocks.

AppInventor - Blocks.jpg

A imagem acima nos da um pequeno mapa para termos uma ideia de como criar instruções. A parte Blocks do desenvolvimento de um aplicativo, no início, nos parece mais complicada porque não possuímos um bom domínio de AppInventor e como consequência não sabemos "aonde" no Blocks buscar as instruções desejadas. Por isso durante o desenvolvimento das oficinas tentaremos abrangir um grande números de funcionalidades para que você tenha mais "ferramentas" para utilizar. Agora vamos adicionar as instruções que desejamos. Precisamos fazer com que quando o ButtonGato seja clicado ele execute o miado. Vá até o Blocks e na seção My Blocks clique na gaveta ButtonGato. Observe que assim que você abre a seção My Blocks são listadas a gaveta My Definitions e uma outra para cada componente que foi criado no Designer. Como nós queremos utilizar o ButtonGato, vamos clicar na sua gaveta e vizualizar as opções disponíveis. Dentro dessa gaveta existe a seguinte instrução:

Button Gato click.jpg

Arraste esta instrução para o centro da tela. Observe a cor deste bloco (verde escuro), somente os blocos de eventos possuem essa cor. Em AppInventor, evento é uma ação ou acontecimento que desencadeia um Procedure. Como por exemplo, o clique do mouse é uma condição para que um objeto se movimente. No caso HelloPurr o evento é o clique do mouse sobre o ButtonGato. Essa instrução sugere que quando o evento ocorrer, haverá uma consequência. A consequência deve ser adicionada a instrução evento. A consequência que esperamos é o miado, ou seja, a execução do SoundMiado. Para isso acontecer, vá até a seção My Blocks e na gaveta SoundMiado procure pela seguinte instrução:

Call Sound Miado.jpg

Perceba que dentro deste bloco esta escrito: "call SoundMiado.Play". Os blocos AppInventor são autoexplicativos, dentro deles PODEM existir até três informações:

  • A função do bloco.
  • O componente em questão (o bloco pode estar relacionado a algo que não seja um componente, como um Procedure).
  • A consequência.

Neste caso "call", traduzindo do inglês, significa "chamar", portanto o bloco esta chamando algo do componente SoundMiado, e "Play", significa "tocar" ou "executar". Como o componente em questão é um arquivo de som, se executarmos o SoundMiado teremos como resposta o miado que desejamos. Agora só o que temos de fazer é juntar o bloco de evento com o "call" arrastando o "call" para dentro do de evento. Este deverá ser o resultado:

Instrucao HelloPurr.jpg

Assim que você tiver combinado as duas instruções, abra o emulador ou conecte o Blocks a um dispositivo para testar o aplicativo. Esta deverá ser a aparência do aplicativo:

HelloPurr final.jpg
Tutorial MoleMash

Tutorial MoleMash

Este tutorial possui como pré-requisito o Tutorial HelloPurr e pode ser encontrado na sua versão original no site AppInventor - MIT.

Agora que você tem uma noção de AppInventor, iremos iniciar o MoleMash Tutorial. O MoleMash é um jogo muito simples, ele se resume em uma toupeira que se movimenta sobre uma área específica aleatoriamente, enquanto o jogador tenta tocá-la, e toda vez que o jogador a toca, recebe um ponto. Para começar, crie um projeto, nomeie-o MoleMash e altere o Title da Screen1 para MoleMash. A seguir a primeira coisa que faremos, será criar a "área" sobre a qual a toupeira irá se deslocar. Para isso, utilizaremos um componente chamado Canvas. O Canvas é um retângulo bidimensional com área definida, utilizado para desenhar ou para mover Sprites (objetos exibidos em duas dimensões).

  • Vá até a gaveta Basic e arraste um Canvas para o vizualizador, nomeie-o CanvasArea.
  • Mude sua propriedade Width para Fill Parent.
  • Mude sua propriedade Height para 300 pixels.

Quando o valor das propriedades Width e Height de um componente são alterados, os limites horizontais e verticais, respectivamente, são redefinidos. Existem três modos de expressar o valor do Width ou Height de um componente no Designer (é possível fazer esta modificação no Blocks de outra forma):

  • Número de Pixels = É possível selecionar um número fixo de pixels.
  • Fill Parent = Quando esta opção for selecionada o espaço não utilizado pelo AppInventor passará a ser ocupado pelo componente em questão.
  • Automatic = O Designer determina os valores baseados em critérios próprios, por exemplo, se uma imagem de 40 pixels quadrados for adicionada como Image de um Button o Designer altera automaticamente os valores Width e Height para os da imagem.

Agora que nossa área esta definida, precisamos acrescentar a toupeira ao jogo. Vamos utilizar outro novo componente: O ImageSprite. Um ImageSprite é um objeto que pode se locomover livremente por toda a área de um Canvas. Vá até a gaveta Basic e arraste um ImageSprite para dentro do CanvasArea (nomeie-o ImageSpriteToupeira). Em seguida, faça o download da Imagem e a carregue na propriedade Picture do ImageSpriteToupeira, que possui a mesma função do Image dos Buttons. O cenário do jogo esta pronto, agora é necessário adicionarmos uma janela que indique o placar, e um botão para que possamos reiniciar o jogo. Para o placar, utilizaremos um Label, como já vimos anteriormente, o Label possui exatamente a função de exibir um texto. E como em nosso caso queremos exibir um placar, quem melhor? Já para criarmos um botão, utilizaremos novamente um Button. Portanto siga os passos abaixo para finalizarmos a parte Designer do aplicativo:

  • Crie o LabelPlacar.
  • Apague o valor da propriedade Text do LabelPlacar.
  • Aumente o valor da propriedade FontSize do LabelPlacar para 30.
Observação: Quando o valor da propriedade Text do LabelPlacar for nulo, o Label desaparece do Designer. Justamente porque não há nenhum texto para mostrar, fato que mudará no Blocks.
  • Crie o ButtonIniciarNovoJogo.
  • Mude o valor da propriedade Text do ButtonIniciarNovoJogo para "Iniciar Novo Jogo".

Assim que você tiver completado os passos acima, terá finalizado a parte Designer.

MoleMash - Designer.jpg

Abra o Blocks para começarmos a desenvolver as instruções. A primeira instrução que devemos criar é o movimento da Toupeira (ImageSpriteToupeira). Para tal, iremos utilizar blocos diferentes dos que já utilizamos até então: Os Procedures. Procedure ou simplesmente procedimento, significa modo de agir ou proceder durante um evento. Podemos traduzir este conceito para programação se considerarmos “agir” como uma sequência de instruções a serem seguidas pela aplicação que esta sendo desenvolvida. Portanto o conceito de Procedure para AppInventor seria: Sequência de ações ou instruções a serem seguidas. Para criar um Procedure vá até a seção Built-In, e na gaveta Definitions, procure pelo seguinte bloco:

Procedure.jpg

Arraste esse bloco para a Área de Trabalho do Blocks e altere o nome do procedimento para MovimentoToupeira.

Procedure touperia.jpg

Agora que o bloco de procedimento foi criado, é preciso adicionar "O QUE" o procedimento deve realizar. Como queremos fazer com que a Toupeira se desloque aleatoriamente...

EM CONSTRUÇÃO

DIA 02

Especificação

  • Relembrando o básico já visto.
  • Introdução a funcionalidade da calculadora (especificação).
  • Início do desenvolvimento na parte Components.

DIA 03

Desenvolvimento

  • Término da parte Components.
  • Revisão dos conceitos básicos que serão utilizados (variáveis, listas, procedures...).
  • Início da parte do Block editor.

DIA 04

  • Conclusão e possibilidades de melhoramentos.

Tutorial Calculadora:

Especificação

Inicia com o display mostrando o valor "0";
Quando um botão-operador for clicado, armazena o valor do display numa variável ou lista e muda o display pra 0;
Realizar as quatro operações básicas da matemática;
Implementação da virgula;
Máx. de dígitos
"-" + "," + 7 digítos.
Atividades
09/05/2012
  • Diálogo com o Orientador Marcos Moecke sobre o objetivo do projeto, modos sua realização, e os métodos que serão utilizados.
  • Início da produção de um "Padrão", arquivo que conterá os meios de organização de scripts, nomenclatura de objeto e outros a fins, para melhor utilização do App Inventor.
  • Produção da primeira análise de app's, feita com base no primeiro vídeo da lista proposta.
  • Não houve dificuldades significativas com o fato de o aúdio do vídeo ser em inglês, pois o que não era interpretado corretamente, era logo corrigido pela visualização do vídeo. Entretanto perdeu-se longo tempo com a procura de um freeware que pudesse editar ou criar arquivos de aúdio e com os "PrintScreen" que foram armazenados como ferramentas necessárias para a realização da Análise de Vídeo I - Bateria Básica (Parte 1/2).
10/05/2012
  • Correção dos relatórios postados na wiki.
  • Troca do banco de dados do Projeto App Inventor de um skydrive pessoal, para uma pasta compartilhada.
  • Visualização do vídeo "AI Basic Drum App:Part 2 of 2", para produção de análise.
  • Houve problemas com quanto a utilização do App Inventor, pois no computador que foi utilizado versão Java não é coerente com a necessária para se executar o emulador do Android. É crucial antes de começar a utilizar o App Inventor, verificar qual a versão de java que está sendo utilizada, pois não é necessária uma versão mais atualizada e sim uma específica, neste caso, faltou a instalação do "IcedTea Java Web Start 6". Mas é sempre bom ressaltar todos itens necessários: RunTime do OpenJDK Java 6, IcedTea Java Web Start 6 e o plug-in Java IcedTea.
11/05/2012
  • Foi necessário uma nova correção dos dados postados nos relatórios dos dias anteriores devido a falta de prática (com a wiki) que faz com que o erros apareçam com maior frequência.
  • Foram assistidos e compreendidos os primeiros quatro vídeos da lista proposta de atividades, que tratava de uma Bateria Básica em App Inventor.
  • O tutorial escrito sobre o jogo MoleMash [1] também foi lido, com o intuito de futuramente, comparar os métodos de aprendizagem autodidata, utilizando ou vídeo, ou texto com imagens.
  • Tive dificuldades no entendimento da 1ª Parte do MoleMash, sobre o comando procedure que é usado na produção de novos blocos, foi necessário o suporte do orientador Marcos Moecke para o entendimento adequado, fato que pode botar em dúvida a verdadeira qualidade dos tutoriais escritos (entretanto o fato de o tutorial ser inglês pode ter influenciado neste caso).
14/05/2012
15/05/2012
  • Início da produção do TracadorDeLinhas_v1_Ernani.
  • Muito tempo desperdiçado tentando editar a imagem do plano cartesiano, para os pixels corretos.
  • Há diferenças entre um ImageSprite e o BackGroundImage (do Canvas), necessário melhor definição!
  • Término da primeira parte do TracadorDeLinhas_v1_Ernani (mas ainda há o problema da escala!).
16/05/2012
  • Modificação da Interface do TracadorDeLinhas_v1_Ernani.
  • Dificuldade de utilizar o plano cartesiano devido a Imagem criada não possuir as coordenadas pixels correta.
  • Nova Imagem criada utilizando o programa DIA.
  • Começo da definição dos blocos.
17/05/2012
  • Faltou devido a compromissos pessoais (sujeito a reposição).
18/05/2012
  • Início do TracadorDeLinhas_v1_Ernani, este é sem escala.
  • Discussão sobre o problema da escala com orientador Eraldo Silveira e Silva.
  • Início do TracadorDeLinhas_v2_Ernani, este é com uma escala definida pelo utilizador.
  • Terminado o TracadorDeLinhas_v3.0_Ernani, com escala automática, entretanto há erros, possivelmente ligados as muitas variáveis globais, necessária revisão e discorrer sobre o tema com os orientadores.
21/05/2012
  • Término do TracadorDeLinhas_v1_Ernani.
  • Depuração do TracadorDeLinhas_v1_Ernani realizada com sucesso, nenhum erro encontrado.
  • Término do script do TracadorDeLinhas_v2_Ernani.
  • Foram encontrados erros durante a depuração do TracadorDeLinhas_v2_Ernani, estes, ainda não foram solucionados.
22/05/2012
  • O erro do TracadorDeLinhas_v2_Ernani foi depurado e corrigido, nenhum Canvas.Width pode ser Fill Parent.
  • Foi implementado um novo código no TracadorDeLinhas_v3_Ernani e corrigido a maioria dos erros.
  • Não foram identificados os procedimentos matemáticos exponencial e módulo, há suspeitas, entretanto não fora confirmadas.
  • Criado usuário no NX CLIENT, entretanto não foi possível conectar devido ao excesso de usuários registrados na rede.
23/05/2012
  • Manutenção de TracadorDeLinhas_v2_1_Ernani.
  • Manutenção de TracadorDeLinhas_v3_1_Ernani.
  • Dificuldade na Depuração devido a grande lentidão da máquina VENUS.
  • Ainda não é possível utilizar o emulador com o servidor Matlab.
24/05/2012
  • Manutenção de TracadorDeLinhas_v2_1_Ernani.
  • Manutenção de TracadorDeLinhas_v3_1_Ernani.
  • Dificuldade na Depuração devido a grande lentidão da máquina VENUS.
  • Ainda não é possível utilizar o emulador no Matlab.
25/05/2012
  • Término do TracadorDeLinhas_v2_1_Ernani.
  • Término do TracadorDeLinhas_v3_1_Ernani.
  • Dificuldade na Depuração devido a grande lentidão da máquina VENUS.
  • Ainda não é possível utilizar o emulador no Matlab.
04/06/2012
  • Início da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
  • Um software novo de edição de imagens foi instalado (Gimp).
  • Dificuldade no carregamento de imagens na wiki.
  • Foi necessário um intervalo para resolver o problema do Registro de Frequência.
05/06/2012
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
  • Dificuldade no carregamento de imagens na wiki.
  • Foi necessário um intervalo para resolver o problema do Registro de Frequência.
06/06/2012
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
  • Dificuldade no carregamento de imagens na wiki.
11/06/2012
  • Faltou por motivos pessoais.
12/06/2012
  • Faltou por motivos pessoais.
13/06/2012
  • Greve.
14/06/2012
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
  • Erro encontrado no tutorial.
15/06/2012
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
  • Erro encontrado no tutorial.
18/06/2012
  • Foi necessário um intervalo para resolver o problema do controle de frequência dos bolsistas.
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
19/06/2012
  • Faltou por ter marcada uma avaliação de ELI.
20/06/2012
  • Atraso devido a Assembléia dos Alunos.
  • Problemas para acessar a conta do AppInventor, foi necessário tentar três vezes e atualizar a página (provavelmente problemas com o servidor).
  • Continuação da produção do primeiro tutorial escrito na wiki.
21/06/2012
  • Terminado o primeiro tutorial.
  • Houve problemas quando o tutorial foi corrigido, o Canvas parece incorreto.
22/06/2012
  • Problema do tutorial ainda não solucionado.
25/06/2012
  • O canvas apresenta uma característica estranha, mesmo com todas a configurações idênticas as do tutorial, ele se comporta diferente.
26/06/2012
  • Faltou devido a urgência da produção do Trabalho de PJI1.
27/06/2012
  • Faltou devido a urgência da produção do Trabalho de PJI1.
28/06/2012
  • Discussão com coordenadores da bolsa sobre a linha de produção de tutoriais.
  • Manter os trabalhos iniciados até então em standby.
  • Iniciar produção de um Aplicativo semelhante a uma calculadora com as quatro operações básicas.
29/06/2012
  • Início da Produção do novo aplicativo.
  • A parte do visualizador esta quase pronta, precisa ser revista pois o "button =" não aparece.
02/07/2012
  • O problema da disponibilidade dos "buttons" foi resolvida com a ajuda do orientador Marcos Moecke.
  • Início da produção dos scripts (Block Editor).
03/07/2012
  • Continuação da Produção dos Scripts.
  • Problema dos "buttons" solucionado.
04/07/2012
  • Criação de um loop para os "buttons".
  • Continuação da produção dos Scripts.
05/07/2012
  • Foi utilizado um método de 3 variáveis apara realizar as operações.
  • Continuação da produção dos Scripts.
06/07/2012
  • Criado um método de reutilização de operadores utilizados anteriormente para quando se apertar o igual mais de uma vez seguida ele ficar num loop que realiza as mesmas operações.
  • Continuação da produção dos Scripts.
09/07/2012
  • Criado o valor "=" para a variável operador, que serve para realizar operações multiplas repetidamente. Ex.:1+2+7+4=14.
  • Continuação da produção dos Scripts.
10/07/2012
  • Continuação da produção dos Scripts.
11/07/2012
  • Continuação da produção dos Scripts.
12/07/2012
  • Continuação da produção dos Scripts.
  • Finalização e melhoramento da produção dos Scripts.
13/07/2012
  • Novos objetivos foram passados pelo orientador Marcos Moecke.
  • Início da produção do tutorial do vizualizador da calculadora.
  • Criada uma conta hotmail e gmail para melhor compartilhamento dos projetos com os coordenadores.
16/07/2012
  • Problema com a Background Image da Screen1. Uma parte não aparece com a figura correta.
  • Continuação da produção do tutorial.
17/07/2012
  • Houve conflito na Properties da Screen1, porque a Background color estava em White e havia uma Background Image.
  • Término da Primeira parte do tutorial da Calculadora básica, que mostra como fazer apenas o vizualizador.

Debate com Eraldo, para definir o projeto Elaboração junto com o Ernani.

18/07/2012 a 20/07/2012
  • Debate com o coordenador Eraldo Silveira sobre os objetivos do projeto.
  • Elaboração de um Cronograma junto ao colega Lucas.
  • Início da finalização da Implementação.
23/07/2012 a 30/07/2012
  • Férias.
31/07/2012
  • Finalização da especificação da calculadora.
  • Criação de outra versão da calculadora (exemplo).
01/08/2012
  • Início da produção do material que será utilizado como base para a oficina.
02/08/2012
03/08/2012
  • Produção da especificação de requisitos da calculadora, para oficina.
06/08/2012
  • Produção da especificação de requisitos da calculadora, para oficina.
  • Dificuldade com método de explicação.
07/08/2012
  • Produção da especificação de requisitos da calculadora, para oficina.
  • Adotado método Problema-Soluções, em que a medida que é necessário acrescentar algo novo, diferentes soluções são apresentadas com suas respectivas vantagens e desvantagens.
08/08/2012
  • Produção da especificação de requisitos da calculadora, para oficina.
  • Problema na quantidade de imagens a serem postas no tutorial, qual o número ideal? E quais devem ser?
09/08/2012
  • Terminada da especificação de requisitos da calculadora, para oficina.
  • Início de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora.
10/08/2012
  • Produção de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora, para oficina.
  • Devido a necessidade de se possuir alguma experiência com AppInventor para se construir a primeira parte do aplicativo, as tarefas do dia um serão alteradas.
13/08/2012
  • Produção de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora, para oficina.
  • Começando a aplicar método de ensino no componente Label, é necessário explicar que funções ele pode realizar, que elemento da calculadora ele será (visor) e etc.
14/08/2012
  • Produção de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora, para oficina.
  • Criação de imagens que serão utilizadas para explicar a altura dos componentes do aplicativo.
15/08/2012
  • Produção de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora, para oficina.
  • Atualização da Wiki, que não havia sido atualizada antes devido ao mal acesso a internet!
16/08/2012
  • Produção de tutorial passo a passo de como fazer a calculadora, para oficina.
  • Discussão com o coordenador Eraldo sobre retomada das atividades.
17/08/2012
  • Produção do primeiro dia da oficina.
  • Início da produção de documentação que será utilizada no primeiro dia (conceitos de variáveis, lista e etc).
20/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
  • Dificuldade de montar o conteúdo em um único texto.
21/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
  • Verificar conceito de "Procedures" com coordenadores.
22/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
  • Tradução do material inicial "Padronização" para wiki.
23/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
  • Tradução do material inicial "Padronização" para wiki.
24/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
27/08/2012
  • Continuação da produção do "manual" do primeiro dia.
  • Finalizados os conceitos básicos.
  • Início da produção dos Conceitos de Instrução.
  • Dificuldade na introdução de imagens quadradas no Designer.
28/08/2012
  • Produção dos Conceitos de Instrução.
  • Trabalhou pouco tempo devido a necessidade de ir ao Alistamento Militar.
29/08/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Necessidade de mesclar as Definições (que não estão completas) com o tutorial HelloPurr.
30/08/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Continuação da produção das Definições.
31/08/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Ao invés de trabalhar nas definições e nos conceitos de instruções separadamente, estes serão feitos durante os tutoriais iniciais (HelloPur e outro ainda não escolhido).
03/09/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Foi necessário corrigir alguns termos.
04/09/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Revisão do tutorial, a parte que explicava como adicionar um Som estava num local inapropriado, foi necessária uma mudança.
05/09/2012
  • Continuação da produção do tutorial HelloPurr.
  • Implementação do conceito de evento no tutorial.
06/09/2012
  • Finalização do tutorial HelloPurr.
  • Não foi possível incluir um Scrollable na horizontal.
07/09/2012
  • Feriado Nacional.
10/09/2012
  • Foi necessário arrumar alguns detalhes do tutorial HelloPurr.
  • Início da produção do tutorial MoleMash.
11/09/2012
  • Continuação da produção do tutorial MoleMash.
  • Discussão com coordenador Eraldo sobre objetivos da oficina.
12/09/2012 - 10/10/2012
  • Produção de um planejamento das oficinas (prévia).
  • Produção de uma hierarquia de objetivos.
  • Conversa com coordenador Eraldo sobre novas diretrizes do projeto.
  • Produção de tabelas para a hierarquia de objetivos.
  • Desenvolvimento de novas funções da calculadora.
11/10/2012
  • Desenvolvimento de um banner para a mostra científica nacional.
15/10/2012
  • Desenvolvimento de um banner para a mostra científica nacional.

Documentação

Breve...

Padronização

Em Construção...

Introdução

Muitos alunos, ao entrarem em contato com o AppInventor, aprendem rapidamente como utilizá-lo. Este fato ocorre porque esses alunos, normalmente, já possuem alguma experiência em programação, já entraram em contato com o Scratch e/ou se entusiasmaram com a atraente interface do AppInventor. Mas para a melhor compreenção e utilização desta ferramenta, é necessário que algumas características sejam padronizadas. Quando iniciados no AppInventor é comum que a maioria não dê grande importância para a ordem de desenvolvimento do projeto e muito menos para a nomenclatura que esta sendo utilizada. O objetivo da "Padronização" é justamente evitar que os alunos se percam durante o desenvolvimento do projeto, direcionando-os para o essencial e os auxiliarem para fazê-lo organizadamente.

Nomenclatura

Projeto

Antes de iniciar um projeto, é necessário nomeá-lo para poder classificá-lo e distinguí-lo de outros. Ao nomear um projeto procure relacionar sua função e versão a ele. Como por exemplo: CriadorDeFilmesV2b. No exemplo citado a função da aplicação é "Criar Filmes", sua versão é "2" (sempre precedido de um "V") e o "b" significa que ele possui alguma alteração relevante ao CriadorDeFilmesV2a (o anterior), mas que ainda não esta pronto (a versão ainda esta em fase de desenvolvimento). Dessa forma as aplicações criadas ficam mais organizadas e correm menor risco de se perderem num imenso banco de dados. Procure também, não se esquecer de manter as palavras no mesmo idioma e de iniciá-las com uma letra maiúscula, ajuda na visibilidade (leitura).

Em Construção...