PJI1-EngTel (Plano de Ensino)

De MediaWiki do Campus São José
Ir para: navegação, pesquisa
LogoIFSCCampusSJ.png

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA
CAMPUS SÃO JOSÉ
Curso de Engenharia de Telecomunicações

Plano de Ensino de 2016-1 - atual


Dados gerais
COMPONENTE CURRICULAR: PJI1 - SISTEMAS DE TELECOMUNICAÇÃO
UCs vizinhas
PROFESSORES: ELEN MACEDO LOBATO, RAMON MAYOR MARTINS
CARGA HORÁRIA: 3 HORAS/SEMANA 54 HORAS. TEÓRICA = 36 HORAS. LABORATÓRIO = 18 HORAS
MÓDULO ESPECIALIZANTE


Objetivos
  • Motivar os alunos para a Engenharia de Telecomunicações;
  • Instigar os alunos a refletir sobre as relações da engenharia com sustentabilidade, ética, sociedade e cidadania;
  • Apresentar o currículo do curso;
  • Conhecer e compreender conceitos básicos e terminologias utilizadas na área de telecomunicações;
  • Identificar as fases de um projeto;
  • Desenvolver habilidades para o trabalho em grupo.
  • Familiarizar com ferramentas básicas de software e hardware a serem usadas durante o projeto;
  • Integrar através de um pequeno projeto conhecimentos anteriores e de algumas disciplinas da primeira fase;


Ementa
O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Metodologia de desenvolvimento de projeto. Conceitos e terminologias da área de telecomunicações. Relação entre ciência, tecnologia e sociedade.


Estratégias de ensino utilizadas
A proposta para os três Projetos Integradores da Engenharia de Telecomunicações (PI1, PI2, PI3) é trabalhar cada um deles em diferentes níveis de complexidade cognitiva tais como: conhecimento, compressão, aplicação, análise, síntese e avaliação (Bloom, 1984).
O PI1 trabalha os níveis de conhecimento, compressão e aplicação, relacionados a verbos como: explanar, listar, desenhar, calcular (Witt et al., 2006). A disciplina é dividido em duas partes, cada uma com a sua própria dinâmica:
Parte 1: O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Orientada a seminários e atividades de pesquisa envolvendo os seguintes temas:
  • engenharia de telecomunicações e sustentabilidade;
  • ética e engenharia de telecomunicações;
  • ciência tecnologia e sociedade;


Parte 2: Desenvolvimento de projeto.. Esta etapa é dedicada a familiarizar o aluno com as etapas de desenvolvimento de um projeto, utilizando-se de um tema simples da área de telecomunicações aplicado a cada grupo. O projeto será realizado em grupos e tutoriado pelo professor, e deve envolver as seguintes etapas:
  • Organização dos alunos em grupos, definição de objetivos, regras de funcionamento, atribuição de atividades aos membros dos grupos, cronograma e recursos necessários;
  • Definição de temas para os projetos integradores que permitam aos alunos desenvolver direta ou indiretamente conceitos e terminologias da área de telecomunicações e sua relação com a ciência, tecnologia e sociedade.
  • Elaboração, pelos grupos, do documento de especificação do sistema;
  • Elaboração, pelos grupos, do documento de projeto do sistema;
  • Implementação e acompanhamento do projeto, identificando problemas de execução e conflitos;


Critérios e instrumentos de avaliação
Os alunos serão avaliados considerando os seguintes aspectos:
  • resenhas ou trabalhos de pesquisas relacionados as palestras/seminários que ocorrerão ao longo do semestre;
  • participação efetiva nos trabalhos do grupo;
  • documento de especificação do sistema;
  • documento de projeto do sistema;
  • implementação do sistema;
Apesar das atividades da disciplina serem preferencialmente organizadas em grupos de trabalho, os conceitos atribuídos aos alunos serão individuais, considerando o resultado do trabalho do grupo e a efetiva participação do aluno durante a execução do trabalho.
A avaliação poderá também ser realizada através de avaliações práticas.


Bibliografia Básica


Bibliografia Complementar
  1. Wolber, D., Abelson, H., Spertus, E. & Looney L. App Inventor: Create your own Android Apps. Sebastopol : O'Reilly, 2011. ISBN 978-1449397487.
  2. http://appinventor.mit.edu/explore/.
  3. https://www.arduino.cc/


ANEXOS

Cronograma de atividades
Página da Disciplina
Horário de Aula e Atendimento Paralelo

Semestres anteriores

Plano de Ensino de 2015-2

Plano de Ensino de 2015-2 - atual

Dados gerais
COMPONENTE CURRICULAR: PJI1 - PROJETO INTEGRADOR I
CARGA HORÁRIA: 3 HORAS/SEMANA 54 HORAS. TEÓRICA = 36 HORAS. LABORATÓRIO = 18 HORAS
50px
UCs vizinhas
CÓDIGO: PJI29001
PRÉ REQUISITOS:
DISCIPLINAS SUCESSORAS: PJI2
MÓDULO ESPECIALIZANTE


Objetivos
  • Motivar os alunos para a Engenharia de Telecomunicações;
  • Instigar os alunos a refletir sobre as relações da engenharia com sustentabilidade, ética, sociedade e cidadania;
  • Apresentar o currículo do curso;
  • Conhecer e compreender conceitos básicos e terminologias utilizadas na área de telecomunicações;
  • Identificar as fases de um projeto;
  • Desenvolver habilidades para o trabalho em grupo.
  • Familiarizar com ferramentas básicas de software e hardware a serem usadas durante o projeto;
  • Integrar através de um pequeno projeto conhecimentos anteriores e de algumas disciplinas da primeira fase;
Ementa
O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Metodologia de desenvolvimento de projeto. Conceitos e terminologias da área de telecomunicações. Relação entre ciência, tecnologia e sociedade.
Estratégias de ensino utilizadas
A proposta para os três Projetos Integradores da Engenharia de Telecomunicações (PI1, PI2, PI3) é trabalhar cada um deles em diferentes níveis de complexidade cognitiva tais como: conhecimento, compressão, aplicação, análise, síntese e avaliação (Bloom, 1984).
O PI1 trabalha os níveis de conhecimento, compressão e aplicação, relacionados a verbos como: explanar, listar, desenhar, calcular (Witt et al., 2006). A disciplina é dividido em duas partes, cada uma com a sua própria dinâmica:
Parte 1: O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Orientada a seminários e atividades de pesquisa envolvendo os seguintes temas:
  • engenharia de telecomunicações e sustentabilidade;
  • ética e engenharia de telecomunicações;
  • ciência tecnologia e sociedade;
Parte 2: Desenvolvimento de projeto.. Esta etapa é dedicada a familiarizar o aluno com as etapas de desenvolvimento de um projeto, utilizando-se de um tema simples da área de telecomunicações aplicado a cada grupo. O projeto será realizado em grupos e tutoriado pelo professor, e deve envolver as seguintes etapas:
  • Organização dos alunos em grupos, definição de objetivos, regras de funcionamento, atribuição de atividades aos membros dos grupos, cronograma e recursos necessários;
  • Definição de temas para os projetos integradores que permitam aos alunos desenvolver direta ou indiretamente conceitos e terminologias da área de telecomunicações e sua relação com a ciência, tecnologia e sociedade.
  • Elaboração, pelos grupos, do documento de especificação do sistema;
  • Elaboração, pelos grupos, do documento de projeto do sistema;
  • Implementação e acompanhamento do projeto, identificando problemas de execução e conflitos;
Critérios e instrumentos de avaliação
Os alunos serão avaliados considerando os seguintes aspectos:
  • resenhas ou trabalhos de pesquisas relacionados as palestras/seminários que ocorrerão ao longo do semestre;
  • participação efetiva nos trabalhos do grupo;
  • documento de especificação do sistema;
  • documento de projeto do sistema;
  • implementação do sistema;
Apesar das atividades da disciplina serem preferencialmente organizadas em grupos de trabalho, os conceitos atribuídos aos alunos serão individuais, considerando o resultado do trabalho do grupo e a efetiva participação do aluno durante a execução do trabalho.
A avaliação poderá também ser realizada através de avaliações práticas.

Bibliografia do PPCv2015-2

Bibliografia Básica
  1. 1 Ademir Clemente (Org.) Projetos empresariais e públicos; 3ª ed. São Paulo:Atlas, 2008. 343p. ISBN 9788522451951.
  2. 2 BOENTE, Alfredo Gerenciamento e controle de projetos; ed. Rio de Janeiro:Axcel Books, 2003. 181p. ISBN 8573231998.
  3. 3 Donaire, Denis Gestão ambiental na empresa; 2ª ed. São Paulo:Atlas, 1999. 169p. ISBN 8522421854.
Bibliografia Complementar
  1. 1 Davel, Eduardo Gestão com pessoas e subjetivadade; ed. São Paulo:ATLAS , 2001. 313p. ISBN 85-224-2894-8.
  2. 2 Lucena, Maria Diva da Salete Planejamento estratégico e gestão do desempenho para resultados; ed. São Paulo:Atlas, 2004. 183p. ISBN 8522437327.
  3. 3 Paladini, Edson Pacheco Gestão da qualidade : teoria e prática; 2ª ed. São Paulo:Atlas, 2004. 181p. ISBN 85-224-3673-8 .
  4. 4 Tomasi, Carolina; Medeiros, João Bosco Comunicação científica : normas técnicas para redação científica; ed. São Paulo:Atlas, 2008. p. ISBN 9788522451203.

Bibliografia Antiga

Bibliografia Básica
Bibliografia Complementar
  1. Wolber, D., Abelson, H., Spertus, E. & Looney L. App Inventor: Create your own Android Apps. Sebastopol : O'Reilly, 2011. ISBN 978-1449397487.
  2. http://appinventor.mit.edu/explore/.
  3. https://www.arduino.cc/

ANEXOS

Cronograma de atividades
Horário de Aula e Atendimento Paralelo
Plano de Ensino de 2012-1 - 2015-1
Objetivos
  • Motivar os alunos para a Engenharia de Telecomunicações;
  • Posicionar os alunos no contexto profissional da engenharia, abordando o mercado da engenharia de Telecomunicações, os órgãos de representação, as relações da engenharia com sustentabilidade, ética, cidadania e legislação na área;
  • Apresentar o currículo do curso;
  • Conhecer e compreender conceitos básicos e terminologias utilizadas na área de telecomunicações;
  • Identificar as fases de um projeto;
  • Desenvolver habilidades para o trabalho em grupo, na condição de grupo direto liderado pelo tutor do projeto.
  • Familiarizar com ferramentas básicas de software a serem usadas durante o projeto;
  • Integrar através de um pequeno projeto os conhecimentos anteriores e de disciplinas da fase;
Ementa
O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Metodologia de desenvolvimento de projeto. Conceitos e terminologias da área de telecomunicações. Relação entre ciência, tecnologia e sociedade.
Estratégias de ensino utilizadas
A proposta para os três Projetos Integradores da Engenharia de Telecomunicações (PI1, PI2, PI3) é trabalhar cada um deles em diferentes níveis de complexidade cognitiva tais como: conhecimento, compressão, aplicação, análise, síntese e avaliação (Bloom, 1984).
O PI1 trabalha os níveis de conhecimento, compressão e aplicação, relacionados a verbos como: explanar, listar, desenhar, calcular (Witt et al., 2006). A disciplina é dividido em duas partes, cada uma com a sua própria dinâmica:
Parte 1: O contexto profissional da engenharia de telecomunicações. Orientada a seminários e atividades de pesquisa envolvendo os seguintes temas:
  • o currículo da Engenharia de Telecomunicações;
  • o papel do engenheiro de telecomunicações e das empresas de telecomunicações;
  • órgãos de representação e regulamentação da classe (CREA, sindicatos);
  • engenharia de telecomunicações e sustentabilidade;
  • ética e engenharia de telecomunicações;
  • legislação das telecomunicações, ministério das comunicações e agências reguladoras;
Parte 2: Desenvolvimento de projeto.. Esta etapa é dedicada a familiarizar o aluno com as etapas de desenvolvimento de um projeto, utilizando-se de um tema simples da área de telecomunicações aplicado a cada grupo. O projeto será realizado em grupos e tutoriado pelo professor, e deve envolver as seguintes etapas:
  • Definição de temas para os projetos integradores que permitam aos alunos desenvolver direta ou indiretamente conceitos e terminologias da área de telecomunicações e sua relação com a ciência, tecnologia e sociedade.
  • Organização dos alunos em grupos, definição de objetivos, regras de funcionamento, atribuição de atividades aos membros dos grupos, cronograma e recursos necessários;
  • Desenvolvimento e acompanhamento do projeto, identificando problemas de execução e conflitos;
  • A avaliação dos projetos será na forma de seminários;
Critérios e instrumentos de avaliação
Os alunos serão avaliados por meio de apresentação dos projetos solicitados ao longo do curso, trabalhos e avaliações práticas, e pela apresentação do projeto integrador final da disciplina.
Bibliografia Básica
Bibliografia Complementar
  1. Wolber, D., Abelson, H., Spertus, E. & Looney L. App Inventor: Create your own Android Apps. Sebastopol : O'Reilly, 2011. ISBN 978-1449397487.
  2. Harris,D. M. & Harris, S. L. Digital Design and Computer Architecture 2nd Ed 2013 Elsevier ISBN 978-0-12-394424-5.


Curso de Engenharia de Telecomunicações