TCC1-EngTel (página)

De MediaWiki do Campus São José
Revisão de 18h35min de 13 de outubro de 2020 por Moecke (discussão | contribs) (Normas NBR da ABNT)
Ir para: navegação, pesquisa

MURAL DE AVISOS DE TELECOMUNICAÇÕES

Registro Diário e Avaliação

Materiais auxiliares

Regulamentos
  • Regulamento das Atividades Complementares
  • Regulamento de Estágio
  • Regulamento do Núcleo Docente Estruturante (NDE)
  • Regulamento do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)
Formulários
  • Carta de Confirmação de Orientação de TCC 1
  • Carta de Confirmação de Orientação de TCC 2
  • Requerimento de Validação de Componente Curricular
Outros

Modelos para monografia

A monografia para o projeto final deverá ser regida de acordo com as normas da ABNT e do IFSC. O professor Emerson Mello adaptou o modelo ABNTex2 para o padrão do IFSC. Recomendamos que os alunos da Engenharia de Telecomunicações utilizem esse modelo e o ShareLaTeX no desenvolvimento do TCC, pois além de possibilitar o compartilhamento do documento com o professor (co)orientador, ainda reduzir o tempo perdido na formação do documento, permitindo que o aluno utilize o seu tempo no conteúdo do TCC.

Overleaf2

Para a geração de documentação/relatórios técnicos/artigos, use a plataforma Overleaf2. Existem diversos modelos (templates) disponibilizados por diferentes instituições e revistas. O prof. Emerson Mello preparou um modelo de TCC para o IFSC, e também dois modelos para apresentação de trabalhos. Vale a pena ler as dicas para o Uso do Overleaf2.

Outros links

Uso de maiúsculas

Se vocẽ não sabe se deve usar maiúsculas em alguma situação, recomenda-se que leia esta página do IPEA: Manual do Editorial: Maiúsculas e minúsculas.

Em relação aos títulos dos trabalhos a regra para o uso das maiusculas depende do padrão a ser adotado, mas algumas regras básicas são comuns:

Normas NBR da ABNT

A coleção de normas da ABNT são acessíveis pelo portal do IFSC [Início > Estudantes > Bibliotecas] clique no link Normas ABNT

  1. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023: 2002 – Informação e Documentação – Referências – Elaboração. Rio de Janeiro, 2002.
  2. ____. NBR 6024: 2012 – Informação e Documentação – Numeração Progressiva das Seções de um Documento – Apresentação. Rio de Janeiro, 2012.
  3. ____. NBR 6027: 2012 – Informação e Documentação – Sumário – Apresentação. Rio de Janeiro, 2012.
  4. ____. NBR 6028: 2003 – Informação e Documentação – Resumo – Apresentação. Rio de Janeiro, 2003.
  5. ____. NBR 6034: 2004 – Informação e Documentação – Índice – Apresentação. Rio de Janeiro, 2004.
  6. ____. NBR 10520: 2002 – Informação e Documentação – Citações em Documentos – Apresentação. Rio de Janeiro, 2002.
  7. ____. NBR 14724: 2011 – Informação e Documentação – Trabalhos Acadêmicos – Apresentação. Rio de Janeiro, 2011.
  8. ____. NBR 12225: 2004 - Informação e documentação – Lombada – Apresentação. Rio de Janeiro, 2004.
  9. ____. NBR 15437: 2006 - Informação e documentação – Pôsteres técnicos e científicos – Apresentação. Rio de Janeiro, 2006.
Prezados, Bom dia!

Pedimos, por gentileza que a seguinte informação seja replicada aos alunos.
A autenticação, via intranet e sigaa-discente, para uso remoto das normas ABNT não está ocorrendo por meio do navegador Chrome. 
Ainda desconhecemos as causas, mas a Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (DTIC) já foi comunicada.  

Assim, neste momento orientamos para seja feita autenticação, via intranet e sigaa-discente, pelo navegador Mozzila.
Ou ainda há a opção de ativar o VPN IFSC (https://dtic.ifsc.edu.br/servicos-de-tic/tutorial-vpn-ifsc/) 
e acessar direto (https://www.gedweb.com.br/ifsc) as normas sem a autenticação.

Ficamos à disposição.

Cordialmente.

Biblioteca IFSC São José

Acesso a base de dados da CAPES

Além do acervo de normas técnicas, o IFSC também disponibiliza o acesso a aproximadamente 170 bases de dados através da página da Comunidade Acadêmica Federada (CAFe). Para consultar livros, periódicos e bases de dados, o usuário deve acessar o Portal de Periódicos CAPES de um computador do IFSC ou realizar o login de um computador não cadastrado, clicando em “ACESSO CAFE”, no topo da página, selecionar a instituição de ensino na área de acesso remoto via CAFe e efetuar o login. O processo de cadastro/acesso é bem intuitivo, mas se tiver dúvidas consulte o Tutorial

Buscar assunto

Dispõe de ferramenta de busca que permite identificar artigos e documentos que tratam sobre os termos utilizados na busca. A busca é realizada em diferentes fontes de informação e os resultados podem ser analisados com filtros referentes aos conteúdos recuperados.

FONTE: Portal de Periódicos da CAPES - Guia (PPT, 10.922MB)

Buscando por uma expressão - Uso de termos simples e compostos

O uso de aspas no “termo composto” recupera os registros que contenham as palavras juntas.

“Global warming”

O termo composto, sem aspas, o sistema localiza registros que contenham as palavras, não importando a posição.

Uso de booleanos

Os operadores devem ser digitados em letras maiúsculas, caso contrário será considerado como parte da expressão de busca.

  • AND
  • OR
  • NOT

Se nenhum operador for incluído a busca é realizada procurando todas as palavras.

Uso de caracteres curinga

Use o sinal de interrogação (?) no lugar de uma letra para que a ferramenta de busca encontre as variações da grafia da palavra.

Wom?n para recuperar woman e women

Use o sinal de asterisco (*) no final da palavra para recuperar as variações dos sufixos

Behavio* para recuperar behavior , behaviour
Sustain* para recuperar sustainable , sustainability
Develop* para recuperar development , developing, developmental
Agrupando termos dentro de uma expressão de busca
Você pode usar parênteses para agrupar termos dentro de uma expressão:
Energy (biofuel OR renewable energy)
climate (hurricane OR storm damage)

Buscar em Base de Dados

Acessar Capes Periódicos, e selecionar [Buscar base]. Digitar em [Palavra no título]: a base de dados que deseja selecionar. Exemplos de bases de dados para engenharia:

  • Selecionar a base Compendex (Engineering Village). Para refinar a procura utilize os filtros: Numeric filter, Controlled vocabulary, Classification code, Country, Document type, Year.


Acesso de fora do IFSC
  • Se estiver fora da rede IFSC, o acesso deve ser feito através do Acesso CAFe, e digite IFSC e [enviar]. Em seguida digite o seu login e senha única para acesso a todos serviços na rede do IFSC (WiFiIFSC, Eduroam, SIGAA).

AcessoCAFe.png

Consulta ao Acervo Virtual do IFSC

A plataforma está acessível para professores e estudantes. O acesso deve ser realizado por meio da rede interna do IFSC ou, para quem estiver fora dela, pela intranet (servidores) ou Portal do Aluno (estudantes). O acervo virtual do IFSC permite à comunidade interna (estudantes e servidores) acesso a cerca de 140 mil e-books de várias áreas do conhecimento. A plataforma contratada é a EbscoHost. A contratação foi feita por licitação e é válida por um ano, podendo ser renovada. Para acessar use o link disponibilizado pela biblioteca: http://www.ifsc.edu.br/acervo-virtual

Resumo Expandido

o resumo expandido deve incluir objetivos, as metodologias, referências, e comparações com trabalhos relacionados. Um resumo expandido permite que as ideias possam ser entendidas em menos tempo. O Resumo Expandido, com no máximo quatro páginas, deverá constar:

  • título (centralizado),
  • autor(es)(centralizados),
  • identificação dos autores,
  • identificação da disciplina(centralizado),
  • Resumo,
  • Palavras-Chave,
  • Introdução,
  • Metodologia,
  • Resultados e Discussão,
  • Considerações Parciais/Finais ou Conclusões,
  • Agradecimentos(opcional) e
  • Referências.

A seguir o modelo que deve ser usado para a elaboração do Resumo Expandido do TCC.

Resumo Expandido

O resumo expandido deve conter no mínimo 1000 e no máximo 2500 palavras, incluindo referências e notas. O Resumo deverá ser publicado na wiki no link correspondente ao título/tema do TCC. O resumo poderá ser feito usando ferramentas de edição como Word, Latex, Sharelatex, Overleaf, Googledoc, ou diretamente na wiki. Quando feito externamente ao ambiente da wiki, o pdf correspondente deverá ser publicado na wiki, junto com o título, autores, resumo e palavras-chave.

TÍTULO DO TRABALHO;
Nome Completo do Estudante1;
Nome Completo do Professor Orientador2;
Trabalho realizado como parte das atividades da disciplina TCC29009;
1Estudante do Curso de Engenharia de Telecomunicações do Campus São José do IFSC e-mail: ______@aluno.ifsc.edu.br;
2Professor do Departamento de Telecomunicações do Campus São José do IFSC e-mail: ______@ifsc.edu.br.
Resumo
No máximo 250 palavras.
Palavras-chave
no mínimo, três e, no máximo, cinco.
Introdução
No máximo 1000 palavras.

Devem ser evitadas divagações, utilizando-se de bibliografia apropriada para formular os problemas abordados e a justificativa da importância do assunto, deixando muito claro o(s) objetivo(s) do trabalho.

Metodologia
No máximo 1000 palavras.
Resultados e Discussão
No máximo 1000 palavras.
Considerações Parciais/Finais
No máximo 200 palavras.
Referências
Trabalhos mencionados no texto, de acordo com a ABNT.

Algumas partes do TCC

Principais partes do TCC
Título

O titulo deve ser claro e preciso, identificando o conteúdo do trabalho e possibilitando a indexação e recuperação da informação. O subtítulo se houver deve ser precedido de dois pontos, evidenciando a subordinação ao título.

Resumo

Deve tratar, de maneira concisa, dos pontos relevantes do texto, informando de forma clara e sintética a natureza e o objeto do trabalho, os objetivos da pesquisa, os procedimentos metodológicos, os resultados alcançados e as conclusões mais importantes. Ele deve ressaltar o valor e originalidade do trabalho, sendo um elemento é essencial do trabalho, pois geralmente é a partir de suas informações que o leitor vai decidir ou não pela consulta ao texto completo.

O resumo deve ser composto de uma sequencia de frases concisas, afirmativas e não de enumeração de tópicos. Recomenda-se o uso de parágrafo único. Deve-se usar o verbo na voz ativa e na terceira pessoa do singular. O resumo de uma monografia deve ter entre 150 e 500 palavras. Devem-se evitar simbolos e contrações que não sejam de uso corrente, bem como fórmulas, equações, diagramas, etc. (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, NBR 6028:2003, p.2).

Palavras-chave ou descritores

Abaixo do resumo devem aparecer as palavras-chave (mínimo três, máximo cinco, separadas por ponto final e iniciadas com letra maiúscula). Elas devem representar a temática do trabalho, preferencialmente já utilizados e consolidados na área de conhecimento. A boa escolha das palavras-chave ou descritores é essencial para a indexação do trabalho e sua busca em bases de dados. As palavra-chave podem ser expressões de palavras compostas e devem ser escolhidas preferencialmente em vocabulário controlado.

Introdução

A introdução abre o trabalho propriamente dito. Tem a finalidade de apresentar os motivos que levaram o autor a realizar a pesquisa, o problema abordado, os objetivos e a justificativa. O objetivo principal da introdução é situar o leitor no contexto da pesquisa. O leitor deverá perceber claramente o que foi analisado, como e por que, as limitações encontradas, o alcance da investigação e suas bases teóricas gerais. Ela tem, acima de tudo, um caráter didático de apresentar o que foi investigado, levando-se em conta o leitor a que se destina e a finalidade do trabalho. Assim, na introdução contextualize o tema, delimite o assunto, apresente um rápido histórico do problema e das soluções porventura já apresentadas, com breve revisão crítica das investigações anteriores; faça referência às fontes de material, aos métodos seguidos, às teorias ou aos conceitos que embasam o desenvolvimento e a argumentação, às eventuais faltas de informação, ao instrumental utilizado. A introdução deverá conter, ainda:

a) Justificativa: trata-se da relevância, o motivo pelo qual tal pesquisa deve ser realizada. Justifica-se aqui a escolha do tema, a delimitação feita e a relação que o pesquisador possui com ele. Procura-se demonstrar a legitimidade, a pertinência, o interesse e a capacidade do pesquisador em lidar com o referido tema. Deve-se fazer o mesmo em relação ao problema e à hipótese, mostrando a relevância científica do tema para o pesquisador. Deve-se fazer, então, nesta parte, a justificativa para o tema, para o problema e para a hipótese, nos termos em que foram formulados na fase de elaboração do projeto de pesquisa.
b) Definição do problema: um problema decorre de um aprofundamento do tema. Ele deve delimitar a pesquisa. Diversos autores sugerem que o problema deve ter algumas características, tais como: a) deve ser formulado como pergunta – isso facilita sua identificação por quem consulta o projeto de pesquisa; b) deve ser claro e preciso; c) deve ser delimitado a uma dimensão variável, pois muitas vezes, o problema é formulado de uma maneira muito ampla, impossível de ser investigado (GIL, 2006).
c) Objetivos: Neste item deverá ser indicado claramente o que se deseja fazer, o que se pretende alcançar. É fundamental que estes objetivos sejam possíveis de serem atingidos. Geralmente se formula um objetivo geral articulando-o a outros objetivos mais específicos. Assim, pode-se dividi-los em:
Objetivo geral: procura-se determinar, com clareza e objetividade, o seu propósito com a realização da pesquisa. Deve-se estar atento ao fato de que nesta pesquisa, em nível de graduação ou pós-graduação, os propósitos são essencialmente acadêmicos, como mapear, identificar, levantar, diagnosticar, traçar o perfil ou historiar determinado assunto específico dentro de um tema. Um objetivo bem redigido explica o quê, com o quê (quem), por meio de quê, onde, quando sobre a pesquisa.
Atenção! Inicie a frase com um verbo abrangente e no infinitivo, como: compreender, saber, avaliar, verificar, constatar, analisar, desenvolver, conhecer, entender, levantar, mapear, identificar.
Objetivos específicos: significa aprofundar as intenções expressas no objetivo geral. Propõe-se mapear, identificar, levantar, diagnosticar, traçar o perfil ou historiar determinado assunto específico dentro de um tema. Assim, para elaborar os objetivos específicos deve-se:
1) detalhar o objetivo geral mostrando o que se pretende alcançar com a pesquisa;
2) tornar operacional o objetivo geral, indicando exatamente o que será realizado na pesquisa;
3) usar verbos que admitam poucas interpretações e no infinitivo, como: identificar, caracterizar, comparar, testar, aplicar, observar, medir, localizar, selecionar, distinguir.
Desenvolvimento

É a parte principal do texto. Apresenta o assunto, fundamentação teórica, metodologia (materiais e métodos), os resultados e as respectivas discussões traçando relações com os trabalhos analisados na revisão de literatura. Divida o texto do desenvolvimento em:

a) Revisão de literatura: é uma análise comentada sobre o que já foi publicado sobre o assunto da pesquisa, buscando mostrar os pontos de vista convergentes e divergentes entre os autores. Traça-se um quadro teórico e elabora-se a estruturação conceitual que subsidiará o desenvolvimento da pesquisa. A revisão de literatura permitirá um mapeamento de quem já escreveu e o que já foi escrito sobre o assunto ou o problema de pesquisa.
b) Metodologia: é o caminho que se trilha, construindo, durante o percurso, os procedimentos e os instrumentos exigidos para se obter êxito no trabalho intelectual. É o momento da pesquisa em que se explicam, passo a passo, todos os procedimentos do estudo que permitiram que os resultados fossem atingidos, identificando os sujeitos com os quais foram coletados os dados, o modo como foram coletados, os instrumentos utilizados nessa coleta e a maneira como os dados foram analisados.
c) Métodos aplicados: mostra-se como serão executados a pesquisa e o desenho metodológico que se pretende adotar: será do tipo quantitativa, qualitativa, descritiva, explicativa ou exploratória. Será um levantamento, um estudo de caso, uma pesquisa experimental, por exemplo. Segundo Gil (2006), a organização da metodologia depende do tipo de pesquisa a ser realizada. No entanto, alguns elementos devem ser apresentados, como:
  • tipo de pesquisa: se é de natureza exploratória, descritiva ou explicativa. Convém, ainda, esclarecer acerca do tipo de delineamento a ser adotado (pesquisa experimental, levantamento, estudo de caso, pesquisa bibliográfica);
  • população e amostra: envolve informações acerca do universo a ser estudado, da extensão da amostra e da maneira como será selecionada;
  • coleta de dados: envolve a descrição das técnicas a serem utilizadas para a coleta de dados. Modelos de questionários ou testes deverão ser incluídos nessa parte. Se a pesquisa envolver técnicas de entrevista ou de observação, é também o momento de expor o assunto;
  • análise dos dados: descrevem-se os procedimentos a serem adotados tanto para a análise quantitativa quanto qualitativa.
d) Apresentação dos resultados: faz-se uma apresentação dos resultados a que se chegou a partir da pesquisa.
e) Análise e discussão dos resultados: faz-se uma exposição da análise obtida nos resultados da pesquisa, bem como uma discussão crítica a respeito deles.
Conclusão

Nessa parte apresenta-se a síntese interpretativa dos principais argumentos usados, mostrando se os objetivos foram atingidos e se a(s) hipótese(s) foi(foram) confirmada(s) ou rejeitada(s). Também se podem incluir recomendações e/ou sugestões para trabalhos futuros. Deve-se fazer uma rápida retomada dos capítulos que compõem o trabalho e uma espécie de autocrítica, fazendo um balanço a respeito dos resultados obtidos pela pesquisa. Atenção! A conclusão não constitui uma ideia nova ou um simples anexo sem importância ao trabalho. Pelo contrário, é nesse momento em que todas as ações do estudo são expostas, analisadas e finalizadas. Para melhor orientar-se, responda às seguintes questões:

a) a pesquisa resolve o problema, amplia a compreensão, mostra novas relações ou mesmo descobre outros problemas em relação ao originalmente escolhido?
b) a hipótese, ao final, foi confirmada ou refutada pela pesquisa?
c) os objetivos geral e específicos previamente definidos foram alcançados?
d) a metodologia de trabalho escolhida foi suficiente para a consecução de seus propósitos? houve necessidade, ao longo da pesquisa, de adotar outras técnicas ou procedimentos para lidar com situações não previstas?
e) a bibliografia previamente selecionada correspondeu às suas expectativas?

FONTE:

  1. ____. NBR 6028: 2003 – Informação e Documentação – Resumo – Apresentação. Rio de Janeiro, 2003.

Detalhes importantes sobre o TCC neste semestre

Prazos 2020-1

TCC 1
  • Em função da pandemia do SARS Corona Virus, das medidas necessárias de distanciamento social, e das determinações dos órgãos colegiados do IFSC, os prazos de apresentação dos documentos foram postergados.
  • As penalidades de prazo também deixarão de ser contabilizadas.
  • Também será possibilitada a apresentação das defesas dos projetos de TCC através de videoconferência.
  • Ver também Diretrizes Internas ANPs - IFSC_SJE.
3.5 A apresentação e defesa de trabalhos de conclusão de curso (TCC) poderão acontecer em ambiente virtual de comunicação, desde que seja disponibilizado link para que aconteça de forma pública. Atas geradas poderão ser assinadas após o retorno das atividades presenciais.
  • Ver noticias atualizadas no site do campus SJE do IFSC.

Bancas 2020-1

TCC 1

  • Para atualizar títulos, banca, datas e horários o professor orientador deve enviar por email os dados para o professor da disciplina de TCC29009.
    De acordo com o Regulamento do TCC Curso de Engenharia de Telecomunicações, Art. 11° Uma banca avaliadora constituída pelo orientador e um professor convidado, em reunião fechada, questionará e orientará o aluno, e atribuirá um conceito ao pré-projeto.

TCCs concluídos

Seminário de TCC

Conforme estabelecido no regulamento de TCC do curso de engenharia de Telecomunicações, os projetos de TCC defendidos deverão ser apresentados em um seminário aberto no semestre seguinte.

Art. 13° O Objetivo da disciplina de TCC2 é desenvolver o trabalho proposto no pré-projeto do TCC1. O TCC2 consistirá em:
a) apresentação pública do pré-projeto;
b) desenvolvimento do projeto final;
c) defesa pública da monografia;
d) entrega da monografia na sua versão final.
§ 1º A apresentação pública do pré-projeto não estará sujeita a avaliação, constituindo-se em uma forma de divulgar o trabalho que será realizado.
§ 2º O não cumprimento de quaisquer das etapas acima implicará em reprovação na disciplina de TCC2.

FONTE: Regulamento do TCC Curso de Engenharia de Telecomunicações do IFSC As datas e horários das apresentações dos projetos de TCC do semestre 2019-2 estão em fase de preenchimento.

TCCs em andamento

Sugestões de tema de TCC

Corpo docente

Registro Diário e Avaliação Anteriores


Curso de Engenharia de Telecomunicações